Doisélles estreia no MT com desfile emocionante

Nenhum Comentário
Raquell Guimarães usou o fio, matéria-prima do seu handmade, para contar uma outra ligação. A ligação com outras vidas modificadas através de oportunidades, da economia afetiva e de troca. O ponto do trabalho artesanal é a corrente que une essas história transformadas através do crochê.
dois_mtp_i17__100

Raquell e a Miss Prisional, Marcella Moreira, na passarela do Minas Trend.

A partir do trabalho com detentos, Raquell falou de valores que vão muito além da sua roupa. Falou de resgate de cidadania, reconstrução, ação e de liberdade. “As vestes que faz, mais que roupas, têm escrito um alfabeto muito particular, onde sentenciados que vivem em regime fechado no presídio, masculino e feminino, de segurança máxima, se libertam, nesse tempo dedicado à produção da marca Doisélles”.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Uma dessas figuras, a Miss Prisional Marcella Moreira, personificou o trabalho criativo da estilista, ao desfilar na passarela.

Deixe um comentário